O mais moderno e sensível sistema de detecção de micotoxinas do mercado

O mais moderno e sensível sistema de detecção de micotoxinas do mercado

Você já ouviu falar em micotoxinas? Elas são substâncias produzidas por fungos e causam efeitos tóxicos em animais e humanos. Além de causar danos à saúde, a presença de micotoxinas é uma preocupação econômica para as empresas, em função da perda de produtos alimentícios contaminados, morte ou doença de animais e custos associados a gestão e controle dos alimentos.

Pesquisa mundial realizada pela Biomin com 60 países, aponta que mais de 70% dos grãos analisados no primeiro trimestre de 2020 continham mais de uma micotoxina. Em termos globais, a América do Sul – ao lado da Ásia – é a segunda região que mais sofre com a presença e incidência de micotoxinas em alimentos. Estas substâncias tóxicas podem estar presentes em diversos tipos de grãos como amendoim, nozes, milho, trigo, arroz e vários outros cereais e alimentos, como café, cacau, leite, condimentos e especiarias.

O Brasil é um dos países líderes na produção de alimentos agrícolas, e possui condições ambientais muito favoráveis para o desenvolvimento de fungos em alimentos. Dentre as micotoxinas de maior ocorrência em alimentos estão as Aflatoxinas, pois apresenta alta toxicidade, oferecendo risco a saúde humana e animal.

Para evitar que alimentos com a presença de micotoxinas cheguem as prateleiras dos mercados, muitos países estabelecem níveis máximos permitidos para estes contaminantes, a fim de proteger a saúde humana e animal dos efeitos tóxicos destes compostos.

No Brasil, a Resolução RDC 07/2011, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), estabelece os limites para presença de micotoxinas em alimentos, sendo que, dentro dos limites quantificados, os alimentos são considerados seguros para consumo. Porém, o ideal é que tenha menor quantidade de micotoxinas possível.

A única maneira de verificar os níveis permitidos e detectar a presença de micotoxinas em alimentos é realizando ensaios laboratoriais. Com mais de 40 anos de experiência, o Laboratório FoodChain ID Análises conta com o sistema mais moderno e sensível do mercado para detecção e quantificação de micotoxinas, podendo atender limites mínimos requeridos por legislações nacionais e internacionais, que chegam a exigir análises na ordem de 0,5ppb para este tipo de composto.

Se você procura um laboratório seguro e completo, a FoodChain ID realiza testes de 15 diferentes micotoxinas, em uma grande variedade de alimentos e rações, com a finalidade de garantir que seus produtos estejam em conformidade com as normas de segurança alimentar. 

Preencha o formulário a seguir que entraremos em contato com você. Por meio deste formulário vamos orientá-lo a respeito dos protocolos de amostragem e análises compatíveis com a sua necessidade.

*Campos necessários.